Ir para o conteúdo principal

Deputado Anderson Pereira preside Sessão Solene para entrega de Medalhas do Mérito Legislativo para membros das Forças de Segurança do Estado

terça-feira, 22/03/2022 às 09h04min
Deputado Anderson Pereira preside Sessão Solene para entrega de Medalhas do Mérito Legislativo para membros das Forças de Segurança do Estado

Proposta pelo deputado Anderson Pereira (REPUBLICANOS), a Sessão Solene realizada na tarde desta segunda-feira (21), na Assembleia Legislativa de Rondônia, no Plenário Deputada Lúcia Tereza Rodrigues dos Santos, homenageou com a outorga de Mérito Legislativo, policiais militares, bombeiros militares e agentes de segurança socioeducativos.

Presidida pelo parlamentar, a mesa de honra foi composta ainda pelo 1º Sargento PM, Jairo Rodrigues, representando o 8º Batalhão da Polícia Militar de Jaru, pelo 3º Sargento PM, Leandro Augusto, do Batalhão de Choque de Porto Velho, pelo Cabo BM, Ismael Miranda, do 5º Grupamento de Ariquemes, todos homenageados na ocasião.

O deputado abriu a solenidade agradecendo a presença de todos os familiares e amigos dos homenageados e destacou considerar importante toda homenagem prestada ainda em vida a cada condecorado.

“Com certeza, dessa forma nos sentimos lembrados, motivados e respeitados pelo exercício da nossa profissão. E hoje, temos aqui pessoas que exercem profissões que, na maioria das vezes, quando você atua acima daquilo que lhe compete fazer, colocando sua vida em risco para, de alguma forma, proteger a sociedade da criminalidade que está cada vez pior, principalmente com essas facções criminosas, isso é digno de reconhecimento e merecidas homenagens”, declarou Anderson Pereira.

O parlamentar ainda comentou que, apesar de não ter qualquer valor econômico, a outorga do Mérito Legislativo tem valor motivacional e significante na carreira dos militares e agentes homenageados na solenidade.

“Nós sabemos qual é o nosso papel, uma vez que posso falar com propriedade pois já fui militar e quando assumimos esse cargo, quando somos treinados, capacitados, passamos por uma formação, sabemos da nossa competência e também da sua limitação. Mas quando vamos além, e faz algo que chama a atenção da sociedade, enquanto profissional da Segurança Pública, é digno de ser homenageado sim e fico feliz por estar tendo essa oportunidade nesta tarde”, ressaltou o deputado.

Em seguida, o parlamentar concedeu a fala ao Cabo BM, Ismael Mirando para se pronunciar. O militar iniciou sua fala afirmando se sentir lisonjeado e honrado pela “rica e ímpar oportunidade”. Ele parabenizou o deputado Anderson pelo esforço e luta em prol da Segurança Pública do Estado de Rondônia.

“A Segurança Pública do nosso estado precisa ser guarnecida por estes homens que são nossos representantes. Nossa Democracia é exercida através destes que nós elegemos através do voto, que é a nossa arma para ajudarmos a população de alguma maneira”, disse o cabo BM Ismael Miranda que encerrou seu pronunciamento com breve relato de sua carreira e gratidão por poder atuar no salvamento de vidas.

Posteriormente, o 3º Sargento PM, Leandro Augusto também foi convidado a se pronunciar. O militar prestou agradecimentos às pessoas que, segundo ele, são responsáveis pela homenagem que ele recebeu nesta tarde.

“Rondônia está passando por um cenário um pouco crítico na área da Segurança, a exemplo das guerras entre facções. E posso falar com propriedade que, Rondônia é o único estado do Norte que não é denominado, totalmente, pelas facções, e isso, graças à atuação da Polícia Penal, da Polícia Militar e da Polícia Civil”, comentou o sargento que relatou uma ocorrência em que, em uma situação de sequestro, concluída com sucesso.

O próximo a se pronunciar a convite do deputado foi o 1º Sargento PM, Jairo Rodrigues, representando o 8º Batalhão do município de Jaru. O militar falou da honra de receber a homenagem e do “poder Divino” sobre a vida dos profissionais da Segurança.

“As organizações militares estão trabalhando em Rondônia, tanto a Polícia Militar, como a Polícia Civil, o Corpo de Bombeiros, Policias Penais e com todas as suas repartições e divisões, todos unidos, atuando em favor da segurança de todos os moradores do estado de Rondônia. Aliás, cidadão do nosso estado estão de parabéns, porque estes policiais, não apenas nós que hoje estamos sendo homenageados aqui, mas todos do Estado de Rondônia, atuam em prol da população rondoniense como um todo”, declarou Rodrigues que também prestou agradecimentos aos colegas de farda do 8º Batalhão de Jaru.

Após a fala do sargento, foi apresentado um vídeo que mostrou a ação de policiais militares de Jaru, que salvaram a vida de uma mulher e uma criança que estavam sob a mira da arma de fogo do ex-companheiro da vítima que não aceitava o fim do relacionamento. Tanto a mulher como a criança foram salvas sem ferimentos graças à atuação dos policiais acionados para prestar atendimento à ocorrência.

Em seguida, as Medalhas do Mérito Legislativo foram entregues aos homenageados citados. Após as homenagens, o deputado voltou a agradecer a oportunidade de poder reconhecer os “irmão e amigos de farda”.

“Pessoas que têm esse comprometimento com a segurança pública da nossa população. Novamente agradeço também aos familiares que aqui estiveram e, como foi falado pelos nossos homenageados, vocês fazem a parte de vocês, mas para que a sociedade possa ser ainda mais protegida, vocês precisam, além de representantes no parlamento estadual lutando por vocês, mas também representantes de dentro do Congresso Nacional que pense na Segurança Pública de uma forma geral”, enfatizou o parlamentar.

Anderson Pereira concluiu falando sobre sua visita ao Centro de Inteligência em Brasília onde, segundo ele relatou, cada Força tem uma cadeira e é dirigido por um coronel da PM do Distrito Federal e um delegado da Polícia Federal.

“E além de conhecer esse Centro de Inteligência, que monitora tudo, facções, presídios federais, estaduais, sistema de entrada e saída de armas do país. É um trabalho muito interessante que o Governo Federal criou tempos atrás, porém, aproveitei para fazer uma crítica construtiva. O sistema penitenciário federal, tem uma vaga lá e não a ocupa e o motivo eu não sei, creio que seja uma política interna. Já o sistema penitenciário estadual, não tem nem a vaga. E eu critiquei sobre isso porque sabemos o quanto a troca de informações com quem está no Serviço de Inteligência da Sejus com vocês é importante até em uma abordagem simples. Se não tiver essa integração, quem perde é a sociedade”, concluiu o deputado que se colocou à disposição de todas as forças de segurança.